Auxílio Reclusão


Sobre

O Auxílio-reclusão, é um benefício abrangido pela Previdência Social, prestado aos dependentes de segurado na qual encontra-se recluso, que esteja cumprindo pena privativa de liberdade em regime fechado ou semiaberto no Sistema Penitenciário Brasileiro.


O presente auxílio não é prestado ao preso de forma direta e sim aos seus dependentes, que com a prisão do segurado, estarão de modo financeiro desamparados, garantido assim a dignidade do amparo familiar aos que estão sem o principal provedor do lar.

Requisitos - desatualizado

Os dependentes do segurado detento ou recluso terá direito ao recebimento do benefício com a comprovação da contribuição de pelo menos 18 (dezoito meses) perante a Previdência. Para assim auferir o benefício, é necessário que o detento ou preso esteja segurado da Previdência Social e o seu último salário recebido por ele seja inferior ou igual a R$1.089,72 (um mil e oitenta e nove reais e setenta e dois centavos) no atual momento.

Perguntas & Respostas

  • Qualquer preso tem o direito de receber auxílio-reclusão?
  • Não. Para ter direito a este benefício o segurado deve na data da prisão estar contribuindo ou na qualidade de segurado, necessitando ainda ser considerado de baixa renda. Lembrando que, este benefício é destinado aos dependentes e não a pessoa presa.

    Como solicitar este benefício?

    Realize agora uma consulta para saber o que de ser feito para garantir a concessão do benefício de auxílio reclusão.


    Ficou com alguma dúvida?

    Comente abaixo!